O OAPENbooks A Biblioteca possui seu primeiro registro de arquivo com um livro escrito na língua ruandesa Kinyarwanda; co-autoria de Evode Mukama e Laurent Nkusi e publicado pela editora sul-africana de acesso aberto Mentes africanas.

Em agosto de 2018, lançamos o AfricArXiv para promover a diversidade de idiomas e a comunicação científica nas línguas africanas tradicionais, conforme destacado por QUARTZO África, e destaque em Índice de natureza e saúdo a conquista do Prof Evode Mukama em colaboração com African Minds, Creative Commons e OAPENbooks.

Esperamos fortemente que mais cientistas africanos sigam este exemplo e forneçam traduções de resumos e resumos de seus trabalhos com cada manuscrito para qualquer repositório e periódico de acesso aberto. Isso permitirá não apenas que os cidadãos da região tenham melhores insights sobre práticas de pesquisa em universidades e instituições de pesquisa, mas também envolva melhor todos os interessados ​​em pesquisa e inovação no continente.

A seguir, leia o resumo do livro em Kinyarwanda ou em inglês (abaixo) para o escopo do livro.

Abstrato

Kinyarwanda: Mu bihugu byakataje mu majyambere, usanga ubushakashatsi itara rimurikira ibikorwa by'amajyambere kandi bukaba n'umuyoboro, queiterambere rirambye haba mu bukungu, ubumenyi n'ikoranabuhanga, imibereho myiza y'abaturiyi. Kuba abashakashatsi bo mu bihugu bikiri mu nzira yamajyamberere badakoresha cyane indimi zabo kavukire mu gukora ubushakashatsi no mu guhererekanya nababi ubumenyi bwavumbuwe hirya hino ku isi bishobora kuba biri kiribá kiribá kiraya Gukoresha ururimi abenegihugu bahuriyeho mu nzego zose - abashakashatsi, abanyeshuri n'abarimu, abafata ibyemezo, abaturage n'abandi bakenera ubushakashatsi cyangwa ibyabuvuyemo - bishobora gutumaabwababira, bakuabira, Ngicyo icyatumwe twandika iki gitabo mu Kinyarwanda. Tugamije kuzamura ireme ry'ubushakashatsi mu bumenyi nyamuntu n'imibanire y'abantu. Tugamije kandi kwimakaza ubwumvane hagati yababatanyabikorwa oferece haba mu gutegura umushinga w'ubushakashatsi, kuwushyira mu bikorwa, gusesengura, kugenzura ndetse no gusuzuma uko ubushakathatsi bwagenze.


Inglês: A pesquisa em países desenvolvidos é frequentemente considerada um meio de abrir caminho para o desenvolvimento sustentável em diferentes áreas da sociedade, incluindo ciência e tecnologia, economia, governança e segurança. Pesquisadores em países em desenvolvimento raramente têm a oportunidade de usar suas línguas indígenas para projetar, planejar e conduzir pesquisas. Nem se comunicam em seus idiomas indígenas para compartilhar suas idéias e aprendizados de outras partes do mundo com colegas ou estudantes. Utilizar os idiomas que pesquisadores, estudantes e professores, formuladores de políticas, a comunidade e outros interessados ​​em pesquisa entendem melhor pode ajudar a gerar novos conhecimentos incorporados nas realidades locais, nas quais o desenvolvimento sustentável precisa se enraizar. É por isso que este livro está em Kinyarwanda. Os autores esperam que a redação deste livro em Kinyarwanda aumente a capacidade de pesquisa em ciências humanas e sociais em Ruanda e na região. E que aumentará a interação entre todas as principais partes interessadas no planejamento e condução da pesquisa, bem como na análise, monitoramento e avaliação do processo de pesquisa e de seus resultados.

ISBN9781928331971
DOI10.5281 / zenodo.3608931
Direitoshttp://creativecommons.org/licenses/by/4.0/
DisponibilidadeEditor da loja virtual: Mentes africanas

0 Comentários

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

facilisis accumsan libero sit justo risus ut Phasellus Donec