Roteiro 2020 - 2023

Ahinon, JS, Arafat, H., Ahmad, U., Achampong, J., Aldirdiri, O., Ayodele, OT,… Havemann, J. (2020, 25 de setembro). AfricArXiv - o Repositório Escolar Aberto Pan-Africano. https://doi.org/10.31730/osf.io/56p3e

Documentação completa: 'AfricArXiv - the pan-African Open Scholarly Repository' arquivado em OSF

AfricArXiv está sempre procurando a infraestrutura online mais relevante para se adaptar e cumprir os requisitos e expectativas da comunidade acadêmica africana. Através da construção de uma infraestrutura de descoberta aberta, transparente, confiável, eficiente e descentralizada, nosso objetivo é apoiar a conectividade de acadêmicos africanos - e bolsas africanas - para um público mais amplo. Como parte dos planos para um futuro próximo, pretendemos diversificar ainda mais as ferramentas e aplicativos para trabalhar com padrões e metodologias inovadores e aplicáveis ​​globalmente para cumprir nossa missão. 

A equipe AfricArXiv espera continuar nosso trabalho nas seguintes categorias, em colaboração com nossas organizações parceiras de rede na África e em outras regiões do mundo:

Sustentabilidade financeira

  • Alcance uma estrutura financeira sustentável pela confiança da comunidade acadêmica africana
  • Parceria com financiadores e investidores em toda a África e em todo o mundo

Expandindo nossa infraestrutura digital de acesso aberto 

  • Repositórios de parceiros atuais: Open Science Framework (OSF), Pubpub, ScienceOpen, Zenodo
  • Adicionando Figshare e PKP / OPS 

Interoperabilidade da infraestrutura digital acadêmica que criamos

  • Construindo integrações com ORCID, DataCite, CrossRef 
  • Buscando associação ao ROR e COAR

Atendendo aos mais altos padrões de qualidade e integridade de pesquisa

  • Controle de qualidade via moderação de submissão
  • Revisão por pares orientada pela comunidade [aberta] com nossas organizações parceiras Ciência descentralizada, Qeios, ScienceOpen, PREreview, Comunidade por pares em ... (PCI)

Aumentar a criação de redes e parcerias no crescente cenário de ciências abertas da África

  • Articulação com as bases africanas e parceiros institucionais, como a Plataforma Africana de Ciência Aberta (AOSP), AfricaOSH, RENs regionais (WACREN, ASREN, UbuntuNet Alliance), EARMA, SARIMA, AfLIA e LIBSENSE
  • Estabelecendo parcerias institucionais com 
    • Bibliotecas acadêmicas e universidades africanas e outras organizações de ensino superior
    • Departamentos de estudos africanos, bibliotecas e associações fora da África
    • Instituições, organizações, financiadores e empresas relacionadas à pesquisa na África ou em outro lugar

Estabelecendo AfricArXiv como uma plataforma de acesso aberto baseada na África auto-hospedada 

  • Cinco (5) ou mais instituições anfitriãs com pelo menos um anfitrião em cada região do continente, para detalhes consulte https://github.com/AfricArxiv/preprint-repository 
  • Análise de dados e painel de estatísticas (número de usuários, locais, número de pré-impressões, pré-impressões de áudio / vídeo, etc.)

Aumentar de forma contínua e constante a descoberta da pesquisa africana

Troca de conhecimento, colaboração e rede acadêmica entre acadêmicos na África e em outras regiões do mundo

  • Com nossos parceiros Bobab, AfricaOSH, African Science Initiative (ASI), WACREN / LIBSENSE, Just One Giant Lab (JOGL), Psychological Science Accelerator, Institute for Globalmente Distributed Open Research and Education (IGDORE), eLearning Africa, Vilsquare Makers 'Hub 

Promovendo a alfabetização científica em todo o continente

  • Em colaboração com a TCC Africa, African Science Literacy Network (ASLN), Under the Microscope, AfroScience Network, Science Communication Hub Nigeria (SciComNigeria), Pint Of Science Quênia 

Capacitação em práticas de Ciência Aberta e publicação acadêmica de Acesso Aberto

  • Fornecimento de treinamento, workshops, serviços de consultoria, palestras, redação científica, convites para submissões, atribuições de alunos e outros formatos educativos sobre publicação acadêmica OA e Avaliação por pares em colaboração com nossas organizações parceiras TCC África, Vilsquare, r0g_agency para cultura aberta e transformação crítica , Open Science MOOC, AuthorAid, Science For Africa, Access 2 Perspectives
  • Desenvolva um chatbot auto-hospedado para suporte da comunidade e perguntas e respostas

Fomentando a diversidade da língua [africana] na comunicação acadêmica

  • Incentivando a submissão de trabalhos acadêmicos em línguas africanas tradicionais e oficiais
  • Fornecer orientações e informações para o multilinguismo na ciência nas línguas africanas

Incentivo à colaboração entre Povos Indígenas e pesquisadores

  • Destacando a importância do conhecimento indígena em todas as disciplinas
  • Aspectos legais: garantia de autodeterminação, Consentimento Livre, Prévio e Informado (CLPI) e conformidade com UNDRIP
  • Fornecimento de diretrizes e informações sobre a inclusão de povos indígenas na concepção, planejamento e implementação de projetos de pesquisa

Fomentando a igualdade de gênero na academia

  • Equilibrando a igualdade de gênero em todas as disciplinas acadêmicas 
  • Incentivar o trabalho acadêmico em tópicos relacionados ao gênero em todas as disciplinas